Trabalho e aposentadorias: faremos as reformas

Declarações do ministro da indústria, Antonio Marzano (19 agosto 2001)

O ministro da Indústria da Itália, Antonio Marzano«O governador da Banca d'Italia (O banco central italiano), Antonio Fazio, pode ficar tranqüilo: o governo quer realizar as reformas sem sombra de dúvida». Segundo o ministro da Indústria Antonio Marzano «em setembro o governo deve começar uma política verdadeiramente liberal, dando a possibilidade aos empresários de empregar mão de obra jovem por tempo indeterminado, mas com a possibilidade de poder fechar a relação de trabalho. Esta proposta seria válida apenas para as novas admissões e, ao momento da conclusão do contrato, o trabalhador teria direito a uma indenização. Marzano propõe, igualmente, indenizações para os trabalhadores que adiantem a aposentadoria ». Na previsão de manifestações e protestos sociais no próximo outono, Marzano afirma que «a dialética entre as partes sociais não se deve tornar uma questão de ordem pública».